fbpx

Confira 6 dicas para aumentar a produção nas pequenas indústrias

6 minutos para ler

Não existe outra opção: se você quer manter o crescimento de sua empresa, é preciso investir para aumentar a produção. Dessa forma, sua indústria poderá começar a fornecer mais produtos e marcar uma maior presença no mercado.

No entanto, aumentar a produtividade pode ser um problema. Afinal, a competitividade é grande e nem sempre o gestor sabe quais são as opções disponíveis para esse fim. Para ajudá-lo, neste post nós reunimos algumas dicas para aumentar a produção em sua empresa e, assim, fomentar o seu crescimento.

Veja, a seguir, as melhores atitudes que você pode tomar. Boa leitura!

1. Contratar uma empresa de consultoria

O primeiro passo para quem busca otimizar a sua produtividade é investir na melhora de sua gestão e de todos os seus recursos e operações. Muitos gestores podem buscar capacitações para enfrentar os desafios do crescimento e ter a certeza de que suas decisões estratégicas tornarão possível o alcance dos objetivos.

No entanto, quando se trata de uma pequena empresa, é fácil perceber que a maior parte dos gestores têm muitas responsabilidades e não dispõem de tempo para lidar com suas demandas diárias e buscar capacitações.

Com isso, a melhor solução disponível é realizar a contratação de uma consultoria de gestão. Essas empresas contam com os melhores profissionais de gerenciamento do mercado. Esses especialistas podem revolucionar e melhorar muito todas as atividades de gestão, possibilitando a melhoria de processos e o aumento da produção.

2. Ampliar a cartela de produtos

Uma das maneiras mais simples de aumentar a produção dentro de uma pequena indústria é investir na pesquisa e no desenvolvimento de novos produtos utilizando a matéria-prima que sobra dentro da empresa.

Dessa forma, é possível constituir uma nova fonte de rentabilidade, sem a necessidade de desembolsar uma grande quantia de recursos ou ampliar espaços dentro da empresa.

Outra vantagem da ampliação da cartela de produtos é a segurança em tempos de baixa demanda do carro-chefe da empresa, quando os lucros com o item principal caem. Contar com outras alternativas de renda pode ser essencial para salvar as finanças do empreendimento.

3. Investir em tecnologia

A tecnologia já faz parte de nossas vidas e, portanto, nas empresas não é diferente. No entanto, muitos negócios ainda não descobriram a importância de investir em ferramentas tecnológicas para melhorar os seus resultados.

Existem diversos softwares que podem apoiar o gestor na busca por incrementar a sua produtividade e garantir uma melhora em sua competitividade no mercado.

O ERP (Enterprise Resource Planning), por exemplo, é um sistema completo de gestão que tem por objetivo integrar todas as informações acerca de todos os departamentos da empresa, permitindo ao gestor uma visão geral de tudo o que acontece no negócio.

Soluções em Big Data e Business Intelligence são capazes de armazenar um gigantesco volume de dados relativos às interações da empresa com clientes, fornecedores e outros. Essas informações são utilizadas posteriormente para auxiliar a tomada de decisão estratégica com base em situações acontecidas anteriormente.

Um WMS (Warehouse Management System) é uma solução que visa apoiar o setor logístico da empresa na gestão e na manutenção de todo o estoque, minimizando erros e aumentando a eficiência do setor.

Esses são apenas alguns exemplos de como essas ferramentas podem ser utilizadas como apoio ao negócio no intuito de aumentar a produção e minimizar custos e riscos.

4. Melhorar as linhas de produção

Os processos operacionais são os grandes responsáveis pela produtividade  ou pela falta dela  dentro de uma empresa. É comum que, no começo de uma pequena empresa, as atividades sejam realizadas sem a orientação de um padrão.

Isso prejudica os resultados gerais, uma vez que a qualidade é comprometida pois a rotina é realizada de diversas formas e não há perspectivas acerca do produto final.

No entanto, se o desejo do gestor é que a empresa cresça e se desenvolva, ganhando mercado, é preciso trabalhar para melhorar os processos internos e estabelecer padrões de qualidade.

O primeiro passo é mapear todas as atividades operacionais realizadas dentro da empresa e analisar um modo de aplicar padrões determinados sobre cada uma dessas rotinas.

Em seguida é preciso capacitar todos os envolvidos nas atividades para que eles possam desenvolver as rotinas de acordo com as novas especificações, alcançando o aumento de produção desejado.

5. Manter um monitoramento constante

Trabalhar para melhorar a produtividade de uma empresa não é uma tarefa pontual: é preciso manter-se em constante vigilância para visualizar oportunidades e riscos.

O monitoramento de processos deve ser realizado com o objetivo de analisar o andamento das atividades operacionais da empresa e verificar a incidência de erros que devem ser corrigidos o mais rápido possível.

Outro ponto que merece destaque são as oportunidades, ou seja, pequenos quesitos que podem ser observados como uma forma de melhorar os resultados esperados de determinada atividade.

Ao manter uma rotina de monitoramento constante o gestor poderá melhorar consideravelmente a produtividade da empresa, uma vez que minimizará os riscos antes que eles possam causar qualquer problema e aproveitará qualquer oportunidade.

6. Investir em um espaço maior

Não é possível crescer em um espaço confinado. Se o projeto do negócio é desenvolver-se e expandir as operações, o primeiro passo deve ser encontrar um local apropriado a esse crescimento.

O principal problema é que muitas vezes o gestor não dispõe e tempo e nem conhecimento para encontrar um imóvel que possa atender a todas as demandas da empresa com relação a espaço e localização.

Contudo, para facilitar a vida do gestor, existem empresas que trabalham exclusivamente com a locação de galpões e são especializadas no atendimento de indústrias.

A melhor saída nesse caso é contratar uma dessas empresas parceiras, que realizará uma análise completa de todas as suas necessidades e indicará qual é o melhor imóvel para a sua empresa.

Com isso, você poderá focar em todas as outras dicas para aumentar a produção e marcar uma maior presença no mercado, conquistando mais clientes e melhorando seus resultados.

Gostou deste post? Ficou com alguma dúvida? Conhece alguma outra dica? Deixe um comentário, queremos saber a sua opinião!

Posts relacionados

Deixe uma resposta

Share This

Receba nossos conteúdos em primeira mão